20 ago 2010

Misso: fonte de saúde e longevidade

Por admin - 18:35 em Sem categoria

O misso é uma pasta de soja fermentada muito apreciada e utilizada na culinária oriental, principalmente a japonesa, tanto pelo seu sabor característico quanto pelos benefícios que traz à saúde.

Hoje, é bem conhecida no mundo ocidental. E já que possui grande valor nutritivo, por que não fazer parte da nossa alimentação também?

A soja originou-se na China e desde os tempos mais remotos, os chineses já preparavam dois produtos a base de soja fermentada, o misso e o shoyu, por saberem que esta forma fermentada naturalmente era a mais saudável para o organismo do que o grão cozido propriamente dito. No século 2 A.C desenvolveram, o famoso queijo de soja, conhecido como Tofu.

O misso tornou-se, então, uma tradição na cozinha oriental , sendo muito utilizado para temperar sopas, cereais, legumes, vegetais, carnes, peixes e frutos do mar.

Sua fama não parou por aí, por ser riquíssimo em nutrientes, passou a ser considerado como um alimento sinônimo de saúde e longevidade, principalmente no Japão. Lá uma boa refeição começa com uma sopa de missô ou missoshiro, que possui várias formas de preparar de acordo com os ingredientes escolhidos.

Vamos as propriedades nutricionais do misso…É riquíssimo em cálcio, aminoácidos essenciais, vitaminas do complexo B, principalmente B2 e B12, além da vitamina E. Possui ainda a isoflavona na sua forma bioativa, além da lecitina. É altamente desintoxicante do organismo, principalmente de metais pesados e radiação. Limpa os pulmões e auxilia na digestão e eliminação de toxinas, prevenindo alguns tipos de câncer. De quebra, estimula a libido!Tem baixo teor de gorduras e calorias.

Este alimento acrescenta uma energia yang aos alimentos, segundo os orientais, equilibrando o organismo no frio. Diga-se de passagem é um ótimo período para experimentá-lo em sopas ou caldos tradicionais, harmonizando o prato com folhas verdes.

O missoshiro ou sopa de misso é um caldinho quente, revigorante, que prepara o estômago para receber outros alimentos, segundo a tradição japonesa. Existem várias receitas, inclusive que vale por uma refeição. Selecionei algumas fáceis de preparar.

Dicas Super Saudáveis

- O ideal é comprar o misso fabricado artesanalmente, entretanto o processo requer um longo período de fermentação, sendo difícil de encontrar Existem algumas marcas no mercado, mas são raras as que respeitam esse período, sendo importante ler o rótulo na hora da compra. Uma idéia é comprar o produto em loja de produtos orientais e pedir uma dica aos donos que geralmente também são orientais.

- Há dois tipos básicos de pasta de misso: as mais escuras (ou “avermelhadas”, chamadas de akamisso) e as mais claras (“brancas”, embora na prática sejam caramelo-claro, chamadas de shiromisso), que são as mais usadas.

- Cuidado com o sódio. Por ser um produto concentrado e levar sal marinho em sua composição, é preciso observar a quantidade utilizada, inclusive a de sal das receitas.

- O misso não deve ser fervido, para não perder seu valor nutritivo. Deve ser dissolvido num pouco do caldo, ou da água, para acrescentar à sopa já na hora de servir.

- Uma colher de chá cheia por pessoa é suficiente para aproveitar todos os benefícios, mas o importante é consumir com freqüência em diversas formas de preparo.

RECEITAS

Caldo básico

Água bem quente, missô e cebolinha verde picada. Pode incluir um punhadinho de brotos de feijão, acelga cortada bem fininha ou qualquer outra folha.

Caldo de vegetais

Junte vários vegetais com água numa panela, inclua alho, cebola, gengibre e ervas, deixe ferver uns 40 minutos, coe e guarde na geladeira. Quando for usar ferva uns 5 minutos para que ele recupere o calor, acrescente missô e cebolinha picada e sirva.

Caldo de alga kombu

Este é um concentrado de clorofila e sais minerais que recupera a saúde de todos os órgãos e tecidos. Para duas pessoas, coloque de molho um pedaço de aproximadamente 10 cm de alga kombu em meio litro de água. Três horas depois a água estará com uma espécie de limo verde. Retire a alga, reserve para usar com outra comida, aqueça o caldo sem deixar ferver, acrescente o misso e sirva.

Caldo que vale por uma refeição

Ponha a água para ferver (250 ml por pessoa) e vá acrescentando alho, cebola, gengibre, ervas, algas picadas, raiz de bardana, cogumelos shiitake, repolho, sobras de arroz e até de feijão. No final do cozimento acrescente verdinhos como brócolis ou agrião, deixe ferver mais um minuto, apague o fogo e abafe.

Receita de Missoshiru com Tofu, a sopa mais popular no Japão

Serve 5 porções

Ingredientes
• 2 litros de água
• 1 xícara (chá) de shiromisso
• 1 envelope de caldo de peixe
• 500 g de tofu picado em cubinhos
• 1 xícara (chá) de cebolinha picada

Modo de Preparo
1- Em uma panela, coloque a água e deixe ferver. Adicione o missô, dissolva-o e acrescente o caldo de peixe, desligando o fogo.
2- Disponha o tofu e a cebolinha em tigelas pequenas e despeje o caldo quente por cima, servindo imediatamente.
O misso deve ser acrescentado ao caldo quando começar a levantar fervura, diluindo-o aos poucos e abaixando-se o fogo. Quando começar a levantar fervura, deve-se desligar o fogo, pois o missô perde o melhor do seu aroma numa temperatura superior a 90 graus.

Receita: www.nippobrasil.com.br/zz_historia/culinaria/275.shtml

Cuide-se bem e tenha uma ótima semana!

Comente





  • * required